Doenças Imunopreveníveis

 

São doenças que podem ser  evitadas com a vacinação.

Poucas ações e investimentos em saúde  trouxeram retorno tão eficaz e transformador nas sociedades quanto a vacinação. Estudos comprovam que, com exceção de água potável, nehuma outra descoberta, nem mesmo os antibióticos produziu um feito tão grande na redução na mortalidade e no crescimento populacional mundial

 

Seguem alguns dados sobre morbimortalidade de Doenças Imunopreveníveis:

 

Caxumba

2016: 928 casos de Caxumba em Brasília

2016: De acordo com US CDC (Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA),  mais do que  2.800 casos de Caxumba nos EUA .

 

Dengue:

 

Doença Pneumocócica– 1 milhão de crianças morre por ano:

Doença Meningocócica- 60.000 com seqüelas permanentes e 50.000 mortes por ano:

Gripe– 5 milhões de casos graves e 500 mil mortes por ano.

Hepatite A- 40% dos casos de Insuficiência Hepática das crianças na América Latina

Hepatite B – 1 milhão de mortes/ano. Mata mais rápido que a  AIDS

Herpes zoster – 1 milhão de casos por ano no mundo,  70% ocorrem em adultos ≥ 50 anos de idade

 

HPV- Papilomavírus Humano– 5 mil mulheres morrem vítimas do Câncer do colo de útero e representa a  4ª maior causa de morte por Câncer em mulheres no Brasil. No mundo, estima-se que anualmente  11.000 casos de Câncer de pênis esteja relacionado ao HPV.

Sarampo:

2016/2017: De acordo com Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), 7.500 casos de Sarampo na Europa e 25 mortes

 

Varicela– EUA-  4 milhões de casos e 100 mortes por ano.

 

Todas estas doenças, complicações e óbitos seriam evitados com a VACINAÇÃO!!!

Autoria: Dra. Marta de Fátima R.C. Guidacci CRM: 7.600 DF

Bibliografia :

  • Ballalai, I Manual Prático de Imunizações, 2ª edição, 2016
  • http//familia.sbim.org.br/doenças
  • Imagens disponíveis no Google